Irlanda Todas as Delícias de Dublin

Dois dias antes de embarcar para a Irlanda, pensei no que eu poderia encontrar por lá: duendes, trevos, chuva, cerveja e Bono Vox.
Pois encontrei muito mais!

Conheci uma Dublin e suas floreiras coloridas por toda parte: nos postes, nas janelas, no meio da rua. Provavelmente resquícios da primavera que ainda está na memória deles, ou apenas capricho com a cidade. E vou dizer que ficou uma graça!

Dublin é uma cidade que vibra uns 3 tons acima. Cheia de estudantes – brasileiros pra caramba! – ela é jovem, baladeira, animada, simpática, com preços ótimos e ainda por cima excelentes restaurantes. Tudo isso reflexo do desenvolvimento do país que já foi um dos mais pobres da Europa e hoje tem o 7º lugar no Índice de Desenvolvimento Humano. Um espetáculo!

Simbora dar uma passeada comigo pelo que vi por lá?

1 | Passeios e atrações

Trinity College e O Livro de Kells

O Trinity College é uma universidade fundada em 1592. É imensa e fica no coração de Dublin, tem prédios fantásticos de várias épocas e jardins lindos.

Sua biblioteca possui um exemplar da primeira edição de todos os livros lançados na Grã Bretanha e Irlanda desde 1801, e por isso possui 3 milhões de livros e manuscritos espalhados por 8 prédios.

A Old Library, construída entre 1712 e 1732, possui cerca de 200 mil livros e é antes de entrarmos nela que encontramos a exposição dos manuscritos dos evangelhos medievais irlandeses, especialmente o Livro de Kells, com mais de 1000 anos e ricamente ilustrado.

Começamos o dia com um passeio pela costa de Dublin, passando pelos campos de golf, praias e então seguimos para o Malahide Castle. O castelo data do século XII, suas torres são do século XVIII e esteve com mesma família até 1976.

Com mobiliário de várias épocas e jardins incríveis, é um passeio para um dia de sol.

Temple Bar

Do ladinho do Rio Liffey, é o centro cultural da cidade. Ruas de pedestres estreitinhas, abarrotado de pubs, restaurantes, boites, o lugar ferve de gente animada. Passei por uns 3 pubs com música ao vivo lotados. Povo bonito e animado, viu? Espetáculo! É pra vagar de pub em pub e pousar onde mais gostar

Destaque para o The Temple Bar Pub, há 160 anos fazendo a alegria da galera.

Jig Show no Powerscourt Centre

Localizado na Grafton Street, que não por caso é cheinha de lojinhas, restaurantes e pubs, está o Powerscourt Centre, um shopping dentro de uma construção georgiana. É lá que fica o Powerscourt Theatre, com o show The History of Irish Dance.

Levando pouco mais de 1 hora, são 2 casais dançando. Se você algum dia assistiu Riverdance, vai saber se gostará ou não. Eu adorei!

The Casino Marino

Casino, do italiano ‘pequena casa’, é uma das mais elegantes construções neoclássicas do século XVIII. Restaurado com capricho, ele parece uma casinha de bonecas, mas esbanja lições de arquitetura e geometria. Também possui lindos jardins e uma vista do skyline de Dublin.

The Old Jameson Distillery

A visita à pequena e antiga fábrica da destilaria Jameson segue o padrão Disneylândia: filminho, passeio, lojinha.

O famoso whiskey irlandês foi produzido ali por 200 anos, até 1971 quando passou a ser fabricado em Cork.

Guinness Storehouse

São sete andares de culto à cerveja Guinness, provavelmente o produto mais famoso da Irlanda, criada em 1759 e que detém 80% (!!!) da venda de cerveja preta no mundo. Localizada num prédio construído em 1904 que já foi fábrica, hoje é um moderno museu-templo e é um dos passeios mais procurados nas visitas a Dublin. Estava cheio pra dedéu em pleno domingo! Lá você encontra de tudo: desde a história da Guinness, processos de fabricação, campanhas publicitárias, vídeos, etc.

Mas é no 7º andar que a coisa fica boa: o Gravity Bar bombando e uma vista 360 graus de Dublin. Clima de festa e ninguém liga que a cerveja não é estupidamente gelada, viu?

The City Assembly House

A Irish Georgian Society em parceria com o Dublin City Council está restaurando a City Assembly House, uma casa georgiana do século XVIII e transformando ela em espaço cultural, galeria e espaço para eventos. É muito interessante ver por dentro uma casa georgiana. A escadaria é uma belezinha!

Dublin Bus Tour

Eu recomendo como primeiro passeio em qualquer cidade que possua um. Acho uma excelente maneira de você ter uma ideia geral da cidade e assim escolher o que quer ver melhor. O Dublin Bus Tour custa €18.00 e comprando pelo site você tem 10% de desconto.

O Verde em Dublin

Dublin possui áreas verdes encantadoras: Merrion Square, St. Stephen’s Green, Phoenix Park, que é o maior parque fechado da Europa e onde se encontra o Zoológico. São lindos, bem cuidados, impecáveis.

2 | A Comilança

Nós comemos MUITO bem MESMO em Dublin. As refeições foram feitas nos restaurantes, sempre com entrada, prato principal, sobremesa, vinho ou refrigerante. Conforme falei logo no começo, além de muito boa, a comida lá é barata (padrões paulistanos, ok?).

Destaques para:

K C Peaches: comida saudável, saborosa, saladões, massas, mas nada de refrigerante por lá. Fica na Nassau Street, 28/29.

Ely Wine Bar: delicioso, serve carnes na brasa e mexilhões lindos e excelentes vinhos. Ely Place, 22.

Gourmet Food Parlour: um lugar ultra fofinho, girly total, comidinha dez, atendimento simpático e atencioso. Fica pertinho do Malahide Castle e é um complemento bacana a ele. De quebra, perto do mar.
Gannon Park, Coast Road, Malahide.

Eden Bar & Grill: alguns restaurantes tem o Early Birdy Menu, para almoços tardios ou jantares precoces, com preços menores é uma boa pedida para economizar ou fugir da muvuca. O Eden é outro lindo restaurante com comida fantástica. Fica na South William Street, 2.